Depilação a Laser

Técnica  para remoção dos pelos utilizando o laser LightSheer Duet, o qual produz um feixe de luz altamente concentrada. A luz emitida é absorvida pelo pigmento (melanina) localizado nos folículos pilosos. Durante o procedimento o laser pulsa por uma fração de segundo, provocando o aquecimento do bulbo (raiz) do pelo, interrompendo sua função de crescimento.

O LightSheer proporciona uma área de tratamento maior, atingindo um número maior de folículos simultaneamente. Possui duas opções de handpiece. O handpiece LightSheer HS (High Speed) utiliza o vácuo associado ao laser de diodo, proporcionando um tratamento mais rápido e confortável em áreas maiores. O handpiece LightSheer ET™ com resfriamento ChillTip® é utilizado para tratamento de áreas menores. Um nível relativamente baixo de desconforto e ou dor pode ser esperado durante os tratamentos.

Indicações:

* Remoção de Pelos Indesejáveis

* Hipertricose ou Hirsutismo

* Pseudofoliculite

 

Contra Indicações:

* Gravidez

* Aparecimento de transtornos imunossupressores

* Infecções ativas na pele como Herpes zoster ou simples, varicela ou outras

* Administração de isotretinoina (Roacutan, Tigason, Neotigason) nos últimos 06 meses

* Administração de retinol ou ácido retinóico ou outro ácido na pele nos últimos 15 dias

* Administração de produtos fotossensibilizantes ou aplicação de produtos de auto bronzeamento

 

Orientações antes de realizar o procedimento:

* Evitar bronzeamento 30 dias antes das sessões de depilação;

* Não usar autobronzeadores durante o tratamento;

* Não depilar com cera, arrancar o pelo com pinças ou e não faça eletrólise na região a ser depilada;

* Não descolorir os pelos no período de tratamento;

* Evitar o uso de maquiagem sobre o rosto ou desodorante nas axilas no dia do tratamento;

* Se estiver usando ácido glicólico ou retinóico no local da depilação, suspender o uso duas semanas antes do procedimento;

* Informar se tem herpes antes do procedimento;

 

Efeitos Colaterais:

Alguns efeitos colaterais normais podem ocorrer após os tratamentos de epilação a laser. Vermelhidão e inchaço do folículo piloso, clinicamente conhecido como eritema e edema perifolicular, são os eventos comumente mais vistos em procedimentos de remoção de pelos a laser. Estes efeitos secundários não devem durar mais de três dias. Podem surgir crostículas, as mesmas não devem ser removidas. Podem aparecer raramente pequenas vesículas, as quais podem desaparecer de 24 a 48 horas após a aplicação.